"Se mudarmos o começo da história, mudamos a história toda"...


Delicado e desafiador o documentário "O começo da vida" traz a reflexão de que os bebês são muito mais do que uma carga genética e que seu desenvolvimento encontra-se na combinação da genética com a qualidade das relações que se desenvolve e do ambiente em que se está inserido.

O filme é uma produção da Maria Farinha Filmes e uma realização das fundações Maria Cecília Souto Vidigal, Fundação Bernard Van Leer, Instituto Alana e UNICEF

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Colmeia: abrigo para mães adolescentes